segunda-feira, 9 de julho de 2007

04/12/06


Originalmente postado em: 04/12/06
Afundamento de DIOR?
Christian Dior, conhecido como o inventor do new look, cintura marcada, saias rodadas, vestidos lindos e glamourosos, e perfeição unido ao feminismo. Pra mim ele é um ídolo, um ícone da história, não só fashion, mas mundial, trazendo revolução para o vestiário feminino, assim como Coco Chanel.
Sabe, as vezes eu acho que essa perfeição, o grande feminismo e bom gosto que eram registros da marca, estão desaparecendo. Houve uma época em que eu idolatrava John Galliano, e adorava todo o seu orgulho e egocêntrismo. Mas isso foi mudando durante alguns anos pra cá, quando eu adquiri opinião própria e mais conhecimento sobre a moda.
Agora pra mim, a marca Dior de hoje virou símbolo de marca de PERUA. As roupas são bregas, escandalosas e totalmente sem noção. O toque doce que Christian Dior dava as suas roupas e o ar de mulher glamourosa que dava as suas clientes, era extraordinário. Mas agora John, o queridinho John está exagerando ao extremo.Os desfiles de alta costura pra mim, agora são quase impossíveis de se ver. Fico tão chocada com as roupas mostradas que não consigo me conter e acabo destruindo-as com palavras. Estas roupas são grosseiras e pesadas, indo para um caminho totalmente diferente do que o criador da marca ia. E eu vivo me perguntando se estamos tentando vestir mulheres ou prostitutas. Olhem para a foto do desfile de alta costura do Dior. Não consigo entender de onde veio, realmente não consigo. ISSO É HORROSO!!!!!!!!!!! Como alguém consegue criar isso? Tá, eu sei, que é alta costura, tem que ser um show e tal, mas deve ser algo pelo menos usável, ou que possa ser transformado em usável, e não uma fantasia grotesca e vulgar.
Acho que o sucesso de Galliano está para acabar, e ele deveria ser substituído por alguém mais competente ao cargo e menos...EXAGERADO. É claro que a marca tem que se modernizar com o mundo, mas seguindo seus principais padrões e principalmente o seu ESTILO.Não digo que não gosto do exagerado. Veja Vivienne Westwood, eu adoro ela, acho ela brilhante. Ela foi quem trouxe o grunge para a moda e é revolucionária. Mas entendam o meu ponto: ela desde o início era assim. Christian Dior fez revolução (nos anos 50 logo depois da Segunda Guerra) também, mas com jeito doce, leve, feminino. Ir para outro caminho é totalmente errado.Um exemplo de perfeição é Karl Lagerfeld. Outro ídolo para mim. As roupas da Chanel são maravilhosas. Com caimento perfeito, Lagerfeld não poderia as fazer de outro jeito. Preto, branco, marinho e dourado são as cores de Coco Chanel, com seus tweeds modernos e saias executivas. Adoro o jeito como o estilista seguiu o caminho da sua precursora, com exatidão, leveza e perfeição. ELE SEGUIU O ESTILO DA MARCA.Eu não discordo da marca Dior de hoje. Adoro os perfumes e óculos, e as maquiagens e os cremes são divinos. Algumas roupas são lindas, MAS ESTOU FALANDO DO CONCEITO DE MODA QUE ELA TEM. O CONCEITO QUE GALLIANO ESTÁ PASSANDO E MUDANDO O ESTILO ORIGINAL.
Muita gente não concorda comigo nesse ponto, minha mãe por exemplo, mas eu concordo plenamente. Acho ótimo a diferença de opinião que o mundo da moda pode ter, e respeito com prazer. Por favor peço que vocês mostrem suas opiniões aqui nos posts.
Se quiserem formar uma opinião sobre tal assunto entrem no site Style.com (http://www.style.com), e vejam as últimas coleções das marcas DIOR e CHANEL.

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial